ZEE é discutido no Pontal do Paranapanema

O distrito de Porto Primavera, em Rosana, sediou a apresentação do Zoneamento Ecológico Econômico (ZEE) do Estado de São Paulo. A reunião técnica aconteceu nesta sexta-feira, 12 de julho, após a 36ª Reunião Ordinária do Comitê da Bacia Hidrográfica do Pontal do Paranapanema.

“A legislação de uso e ocupação do solo é municipal, mas é fundamental que o Estado participe e seja o indutor do desenvolvimento, apontando como e para onde queremos crescer, incentivando o desenvolvimento sustentável”, destacou o secretário Bruno Covas.

A prefeita de Rosana, Sandra Kasai, explicou que a região está focada no desenvolvimento sustentável. “E o ZEE é quem vai trilhar o caminho para isso”, afirmou.

O ZEE será um instrumento fundamental para o desenvolvimento sustentável da região. “É um indutor do crescimento econômico, vai identificar a vocação de cada território, quais áreas tem vocação para alto e baixo impacto ambiental, servirÁ como uma mapa para a Companhia Ambiental do estado de São Paulo (CETESB) poder ou não licenciar”, explicou Bruno Covas.

Também participaram do encontro, o deputado estadual Mauro Bragato, o presidente da Unipontal, Marco Rocha, e o presidente do Comitê da Bacia (CBH-PP) e prefeito de Narandiba, Ênio Magro.

O objetivo do ZEE é disciplinar e racionalizar a utilização dos recursos naturais do território estadual. “Identificando e disciplinando unidades territoriais que serão objeto de ações que levem ao aproveitamento do potencial produtivo e da qualidade ambiental”, afirmou a especialista ambiental Lucia Souza e Silva, que fez a apresentação técnica do projeto.