SMA estuda passar gestão do Horto de Piracicaba para prefeitura

Ricardo Salles visitou estação experimental e disse que decisão pode tornar a administração mais produtiva

Dirceu Rodrigues

Cris Couto

O secretário do Meio Ambiente, Ricardo Salles, disse nesta quinta-feira, 16, que pretende passar a gestão do Horto Florestal de Tupi, em Piracicaba para a prefeitura da cidade.

“Estamos aqui a trabalho. A ideia, se possível, é de municipalizar a administração do horto. Acredito ser mais produtivo para área e para a população um gerenciamento local”, disse Salles que fez nesta quinta visita à estação experimental.

Acompanhado do prefeito de Piracicaba, Barjas Negri, e do Diretor Geral do Instituto Florestal, Luis Alberto Bucci, Salles afirmou que, primeiro, o importante é saber como aumentar os investimentos e os tipos de serviços oferecidos pelo parque.

“Vamos fazer um levantamento da madeira que pode ser explorada com o intuito de reverter renda para o local.”

Com 198 hectares, o Estação Experimental de Tupi, conhecida como Horto Florestal, tem um lago para pescaria artesanal, um insetário, além de mesas e bancos para o tradicional piquenique.