Zoológico de São Paulo ganha dois novos habitantes

Agora só falta batizar os filhotes de lobo-guará, que nasceram em junho. Entre no site do Zoo e vote

No dia 18 de junho, dois filhotes de lobo-guará (macho e fêmea) nasceram no Zoológico de São Paulo. A espécie sul-americana, ameaçada de extinção, ocorre principalmente no bioma Cerrado, no Brasil.

Os jovens pais de “primeira viagem”, Henrique e Xena, até tentaram criar os filhotes juntos, porém, o macho Henrique não levou muito jeito para ser “papai” e precisou ser transferido de recinto para garantir o bem-estar dos lobinhos. Apesar da inexperiência, Xena tem se mostrado uma mãe dedicada e carinhosa, sendo monitorada diariamente pela equipe técnica do Zoo. Por serem animais de hábito crepuscular-noturno, é possível observá-los mais ativos no período da tarde, momento em que preferem sair do abrigo e explorar a área aberta do recinto.

Como já é tradição da Fundação “batizar” seus filhotes, dessa vez não poderia ser diferente. O Zoo está promovendo a votação online no site da instituição e todo mundo pode votar. São três opções de nomes para cada filhote, sugeridos pela área técnica:

1 – Baru e Cáli
2 – Pequi e Ingá
3 – Maui e Luna

Baru e Cáli são frutos e árvores do Cerrado, local de ocorrência da espécie. Já Maui remente à mitologia Maori e Luna, à deusa da Lua na Mitologia Romana. Clique aqui para votar.