Governo do Estado de São Paulo Sistema Ambiental Paulista

Coleta de óleo de cozinha

O óleo que a dona de casa utiliza na cozinha pode causar grandes danos ambientais. O Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente – SMA, promove a partir do dia 1º de junho de 2013 uma campanha de mobilização socioambiental para coleta e reciclagem de óleo em sete parques urbanos da Região Metropolitana de São Paulo.

A campanha acontece no dia mundial do meio ambiente  e em todos os fins de semana do mês de junho de 2013 em alguns dos parques administrados pela SMA (dias 1, 2, 5, 8, 9, 15, 16, 22, 23, 29 e 30).

A população receberá esclarecimentos sobre os impactos ambientais nas redes de esgoto, rios, lagos e mares e orientação sobre o descarte adequado de óleo e poderá realizar a troca de uma garrafa pet com 2l de óleo de cozinha usado por uma barra de sabão.

Para saber como coletar corretamente o óleo de cozinha usado, você pode acessar o site Óleo Sustentável e acompanhar o passo-a-passo.

Locais de coleta:

A troca poderá ser realizada em um dos parques abaixo:

Parque Villa-Lobos

Av. Prof. Fonseca Rodrigues, 2001 – Alto de Pinheiros

(11) 3021-6285

Funcionamento: 5h30 às 19h

Parque Água Branca

Endereço: Avenida Francisco Matarazzo, 455 – Água Branca.

Fone/fax: (11)3865-4130 / 3865-4131

Funcionamento: 6h às 22hs

Parque da Juventude

Endereço: Av.Zaki Narchi 1039

Fone/fax: (11) 2251.2706

Funcionamento: Área verde das 6h às 19h

Área Esportiva: 6h às 24h

Parque Belém

Endereço: Avenida Celso Garcia, 2.231- Bairro do Belém – São Paulo

Fone/fax: (11) 2081-2441

Funcionamento: 6h às 20h

Parque Estadual Alberto Loefgreen – Horto Florestal

R. do Horto, 931 – Tremembé São Paulo, 02377-000

(11) 2231-5888

Funcionamento: das 06h às 19h

Parque Estadual Guarapiranga

Endereço: Estrada do Riviera, n° 3.286 – São Paulo – SP

Fone/fax: (11)5517-6707

Funcionamento: de terça á domingo das 8h às 17hs

Parque Gabriel Chucre

Endereço: Rua da Consolação,505 Vila Gustavo Correia – Carapicuíba- SP

Fone: (11) 2081-2441

Funcionamento: 6h às 20h

O perigo do descarte incorreto

O óleo de cozinha, quando retido no encanamento, causa entupimento das tubulações e faz com que seja necessária a aplicação de diversos de produtos químicos para a sua remoção. Se não existir um sistema de tratamento de esgoto, o óleo acaba se espalhando na superfície dos rios e das represas, contaminando a água e prejudicando a vida de muitas espécies que vivem nesses habitats.

Dados apontam que com um litro de óleo é possível contaminar 20 mil litros de água. Se acabar no solo, o líquido pode impermeabilizá-lo, o que contribui com enchentes e alagamentos. Além disso, quando entra em processo de decomposição, o óleo libera o gás metano que, além do mau cheiro, agrava o efeito estufa.

Além da conscientização, a campanha prevê a coleta e destinação final adequada do produto. O óleo reaproveitado pode ser utilizado na produção de resina para tintas, sabão, detergente, glicerina, ração para animais e até biodiesel.

Logística Reversa e Entrega Voluntária

A campanha tem o apoio da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), que no final de dezembro de 2012, assinou um termo de compromisso com a SMA, no qual se responsabiliza em apoiar a coleta dos resíduos pós-consumo dos produtos de suas associadas nos municípios paulistas. Atualmente existem 820 pontos instalados em redes de supermercado, farmácias, postos de gasolina e escolas públicas. No site óleo sustentável além de informações sobre o ciclo do óleo você também pode encontrar os Pontos de Entrega Voluntária (PEVs) no Estado de São Paulo.